Explicação: NÃO tem vírus no Abobrinhas

ados, muitos de vocês, ao acessarem o site, recebem avisos informando de que existe malware ou que, ao visitar o site, seus computadores poderão ser danificados.

Deve ter existido algum programa malicioso aqui no passado, mas tudo foi reinstalado (daí o tema atual). O próprio Google informa que NÃO existe nenhum malware no site. No entanto, o aviso continua sendo exibido. Não sei a razão disso, mas já mandei um e-mail pedindo reconsideração. Vamos ver no que dá.

Um abraço,

Francis

Nota

Caros amigos do Abobrinhas:

Infelizmente não conseguimos ainda gravar o 11º episódio. Todo mundo muito ocupado, mês de eleições, Oliver dando um curso, Marcelo dando suas aulas, eu ocupado com o trabalho, isso tudo nos tem impedido de gravar. Acreditamos que isso será contornado em breve. Temos nos encontrado frequentemente para discutir o podcast, mas não tivemos tempo de sentar para gravar. É um processo que toma cerca de 4-5 horas de nosso tempo, incluindo gravação, mixagem, produção, etc. (e isso porque é tosco, imaginem se fosse profissional… ;).

Pedimos compreensão, e agradecemos a paciência, o cuidado, a atenção e o carinho ao nosso podcast. Estamos empenhados em retribuir toda essa atenção!

Um grande abraço!

Uma mensagem aos amigos…

Caros amigos,

Gostaríamos, sobretudo, de agradecer o apoio e o carinho dispensado a esse podcast. Aquilo que começou de forma tão despretensiosa (e, confessamos, continua despretensioso) ganhou uma audiência e uma resposta inimaginável. Estamos realmente felizes e ao mesmo tempo surpresos pela resposta positiva de todos vocês.

Estamos nos aproximando do 10º episódio do Abobrinhas Digitais. E pretendemos ter um contato ainda mais próximo a quem nos prestigia. Portanto, abrimos agora no site a possibilidade de registro dos ouvintes. O link fica no canto inferior direito da tela. NÃO é nossa intenção mandar spam, ou qualquer e-mail que não-solicitado. Apenas, de tempos em tempos, gostaríamos de fazer alguma enquete, informar sobre novos episódios, coisas desse tipo.

Ficaríamos mesmo muito felizes se vocês efetuassem esse registro, que é solicitado apenas para que possamos ter um contato maior com quem ouve o podcast e para saber o que é que preferem.

Já agora gostaria que respondessem a esse e-mail dizendo qual o formato preferido para o podcast (mp3 ou AAC ou da forma que é feita hoje, com os dois formatos), e qual o agregador que usam, e se têm tido problemas com o agregador utilizado. É que estamos vendo se criamos feeds distintos, ou como resolver o problema de nossos usuários de Linux. Aliás, mesmo o iTunes parece estar se confundindo com o formato – ora baixa mp3, ora AAC, prejudicando a padronização da coisa.

Portanto, na expectativa de criar uma comunidade mais íntima para o podcast, contamos com a força e a opinião de vocês!

Um grande abraço,

Francis, Oliver e Marcelo